UnB – Parceria com Secretaria de Educação realiza formação continuada

Até o dia 19 de julho, 1.950 professores da rede pública de ensino do Distrito Federal e estudantes de licenciaturas da Universidade de Brasília vão realizar cerca de 50 oficinas voltadas para a formação inicial e continuada. As oficinas fazem parte do projeto UnB+Escola, idealizado pela Coordenação de Integração de Licenciaturas, vinculada ao Decanato de Ensino de Graduação da UnB, com o apoio dos Programas PIBID e Residência Pedagógica, do Decanato de Extensão e da Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEEDF).

Além de promover a formação inicial e continuada, o evento quer possibilitar maior integração entre os professores da rede e os pesquisadores da UnB. Por isso, são oferecidas diversas atividades de extensão. Entre elas, palestras, oficinas, cursos e mostras pedagógicas. Confira aqui todo o cronograma.

Segundo a coordenadora de Integração das Licenciaturas da UnB, Eloísa Pilati, todos os conteúdos ministrados são testados e seguem metodologias científicas e ativas. “As atividades levam em consideração tanto a parte teórica quanto a prática e são realizadas para que os professores possam levar o conhecimento para a sala de aula já no segundo semestre deste ano”, explica.

Para a chefe da Assessoria Especial da Secretaria de Educação, Janaína Almeida, a universidade precisa caminhar junto à rede pública de ensino, não somente na perspectiva da formação inicial, na graduação, mas também no aperfeiçoamento continuado dos profissionais que atuam na educação, em pesquisa e projetos. “Nossa parceria com a UnB está se consolidando agora e nosso leque de atividades e projetos que podem ser realizado é muito amplo. A formação que queremos proporcionar para nossos educadores é qualitativa e a UnB nos oferece profissionais capacitados para atender toda a diversidade da nossa rede”, conta.

Janaína ressalta que a UnB já participa de outros projetos juntamente com a Secretaria de Educação, como a Virada Pedagógica, voltada também para o aperfeiçoamento dos profissionais da educação e que conta com apoio da Universidade tanto no planejamento dos eventos quanto na capacitação de quem realiza a formação nas coordenações regionais de ensino. “E queremos ir muito além. Já estamos viabilizando projetos interventivos, visitação das escolas às instalações da UnB, elaboração de uma residência pedagógica, além de parcerias relacionadas à ciência, a fim de colocar em prática atividades relacionadas à área”, afirma.

 

Compartilhe: